quarta-feira, 3 de julho de 2013

Um coração que não quer enxergar

"Mas os principais sacerdotes resolveram matar também a Lázaro..." (João 12.10)


O que é mais terrível que um coração cheio de ódio?

O que é mais terrível que um sacerdote com desejo de matar?

E ainda mais quando tal sacerdote se volta contra o próprio Deus que ele julga servir?

Realmente, talvez não haja violência tão terrível no mundo...

...como a violência religiosa...

O fariseu vê o milagre e não entende...

Não importa quão grandiosa tenha sido a obra realizada por Jesus...

Tão esplêndida... Tão magnífica...

Ele está com o coração com muito ódio para crer...

Ele enxerga a violação do sábado... Mas não consegue ver o milagre que foi realizado...

Por isso, o inimigo de Jesus...

Não quer matar somente a Jesus...

Quer matar também a Lázaro, o milagre de Jesus...

Há muitos que foram ressuscitados por Jesus...

E o diabo quer matar a todos...

Porque o sacerdote e o fariseu eram assim, cegos?...

Por ciúmes...

Por inveja...

Pelo fato de Jesus não corresponder àquilo que eles pensavam sobre Deus...

Achavam também que seu "status quo" estava ameaçado pelo filho de Deus...

Sentiam-se no direito de julgar...

Não tinham coração de menino, alma de criança...

Não importa...

Importa nos analisarmos se, em nós mesmos, às vezes, não "pinta" esta cegueira espiritual, de não ver a obra de Cristo no meu irmão, no meu próximo, pelo simples fato de meus sentimentos por ele não serem dos melhores...

Importa saber que Cristo não necessariamente cabe nos meus padrões daquilo que eu acho certo ou errado, correto ou não, ortodoxo ou não acerca das coisas de Deus... Ele é muito maior que tudo isso.

Jesus é maior do que todos, e ele age como quer...

Mas o ódio e o ciúmes são assassinos desde que o mundo é mundo...

Se você age e vive em nome de Cristo...

Não se espante se quiserem te matar, não somente a ti, mas também a tua obra...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...