terça-feira, 25 de agosto de 2015

O estado islâmico está perto de se tornar um verdadeiro estado?

Tribuna da Internet
Os EUA já admitiram que levarão anos para combater o Estado Islâmico. Esta entidade tem assumido um caráter internacional, com outros grupos jurando lealdade. Os especialistas, de modo geral, têm dito que o Estado Islâmico não pode ser considerado verdadeiramente um estado, por conta de suas características violentas consideradas terroristas. Entretanto, a própria noção de estado é controversa, sendo que a Coreia do Norte tem maior reconhecimento que Taiwan, que é democrática e respeita ainda mais seus cidadãos.

Embora o Estado Islâmico esteja talvez longe de ser uma unanimidade em seu reconhecimento enquanto estado, nas áreas de que domina, creio que alguns fatores devem ser levados em consideração.

Eles estão cunhando uma moeda própria. Isso tudo, sob a fundamentação de estar liberando os muçulmanos da opressão tirânica e mercantilista. Outra coisa que tem que ser levada em consideração é que há, nas áreas dominadas, um grande interessem em se estabelecer famílias formalmente constituídas, daí, a grande campanha mundial em se trazer mulheres de todas as partes do mundo para a causa jihadista. E estas mulheres têm assumido cabalmente o papel que lhes é dado, e são mui reconhecida e respeitada pelos muçulmanos, do jeito deles. O grupo já expede certidões, documentos de identificação, e tem uma utopia (no sentido de um objetivo, um sonho, uma ideologia definida) de estabelecer um estado, um califado, algo concreto, e estão realizando ações neste sentido. Já conta com alguma estrutura em termos de hospital, juízes, e coisa assim; claro, de modo precário se comparado com o de nações estabelecidas, mas o fato é que os fundamentos estão sendo lançados.

A grande questão é que, boa parte das nações modernas, em algum momento, surgiu sob a égide da violência, da pilhagem, da tortura, da guerra, do massacre. Foi assim nos tempos bíblicos e modernos também. O fato é que estamos vendo esta história se repetindo, diante de nossos olhos, amplamente relatada inclusive pela mídia, com execuções, massacres, torturas, estupros, e outras coisas mais. Hoje, estamos chamando o pessoal do estado islâmico de terrorista, mas sabemos que milhares de milhares de pessoas no mundo, inclusive no ocidente, assim não o consideram. E me parece que, quanto mais tempo para eles serem impedidos, mais eles se estabilizam; e nestas questões, o tempo opera a seu favor. Talvez não demore muito tempo, e eles deixem de ser tratados como terroristas, e passem a ser considerados estadistas.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...