Católicos X Protestantes

Católicos falam mal de protestantes. Protestantes falam mal de católicos. Mas onde o protestantismo não chegou, o catolicismo esfriou. E onde o catolicismo foi completamente expulso, foi o protestantismo que se esgotou. Mas onde foi permitida a guerra aberta entre ambos, o fervor religioso continuou. Mais do que católicos e protestantes gostam de admitir, parece que ambos necessitam um do outro. O protestante precisa do catolicismo para o combater. E o catolicismo, do protestantismo para reagir. Será o ecumenismo, como dizem os conservadores de ambos os lados, a destruição das duas religiões?

Comentários

  1. Gostei da reflexão.

    Será que é por causa disso (por conter os dois lados) que o anglicanismo não tem paz interna (supondo que isso exsita de fato)?

    ResponderExcluir
  2. Boa pergunta. Boa parte dos autores anglicanos de peso são evangelicais, como C. S. Lewis, Jonh Stott, J. L. Packer, N. T. Wright, Alister McGrath, entre muitos outros. Entretanto, entre os anglo-católicos aqui de São Paulo (praticamente, a totalidade da Diocese), tais autores sequer são citados. Geralmente, são evangélicos que os estudam (eu os estudei via Assembléia de Deus!). Infelizmente, no Brasil , o anglicanismo (em comunhão com Cantuária) não parece ter logrado êxito em manter todas as tendências unidas (Dom Paulo Garcia e Dom Robinson que o digam...). Acho que todos perdem com isso.

    ResponderExcluir
  3. Meu caro, D. Robinson está em comunhão com Cantuária e esses anglicanos de São Paulo podem ser de tendência católica, mas não são, em hipótese alguma, anglo-católicos (a não ser que se use essa palavra como sinônima de toda a tendência católica do anglicanismo, mas isso é algo inapropriado, já que causa confusão).

    ResponderExcluir
  4. Realmente, foi neste sentido que citei. Eles se entendem assim, como Anglo-Católicos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais visitadas do mês

Manaém, o colaço de Herodes

Aprendendo com os erros do Rei Amazias

Os discípulos ocultos de Jesus

Resenha da obra "Ego Transformado", de Tim Keller

E não endureçais os vossos corações (Hebreus 3.7-13)

Acolhei ao que é débil na fé - uma reflexão sobre romanos 14.1

Panorama do Novo Testamento: O Evangelho de João

Considerações acerca das bem-aventuranças

Panorama do Novo Testamento: Atos dos Apóstolos

As características do ministério de Cristo