sábado, 31 de janeiro de 2015

Governo e serviço

O evangelho inspira a aqueles que estão na posição de poder e autoridade a serem servos.

Nada mais distante da prática brasileira, em que os políticos têm aumento de salários, verbas e outras coisas enquanto que toda a população precisa apertar os cintos.

Coisa triste um país em que os poderosos não servem o povo, mas se servem do povo.

E tal discussão, nada tem a ver com capitalismo, socialismo, esquerda ou direita. Tem a ver com caráter.

Acredito que sistemas podem ser melhores ou piores em uma determinada sociedade. Mas o que realmente determina ou não o seu sucesso é o caráter das pessoas.

No Brasil, desde o menor até o maior, desde o pequeno até o  grande, em todos os extratos sociais parece haver o germe da corrupção.

Basta dar poder a alguém, e este se comportará exatamente como aqueles que ele criticava. Aumentará seu próprio salário e fará de tudo para promover o seu próprio futuro. Poucos são como aquele presidente latino americano que doa boa parte do seu próprio salário e continua vivendo uma vida simples.

Enfim. Autoridade conforme o evangelho é para servir, e não somente para se servir. Todo trabalhador é digno de receber salário, mas a diferença astronômica que acontece em nosso país realmente é algo lamentável e distante de um dia ter um fim.

Sinceramente, hoje não vejo muita solução para o nosso país, a não ser uma ampla reforma de diminuição do Estado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...