Formatura na Faculdade de Teologia Metodista Livre




Ontem, estive juntamente com minha esposa, como professor da Faculdade de Teologia Metodista Livre, na formatura dos alunos que concluíram seus cursos em 2012 e 2011.


Neste mesmo evento houve uma homenagem para as primeiras turmas que se formaram na faculdade, da década de cinquenta.

Foi muito emocionante participar de tal evento, tanto da formatura como da homenagem. Emociona-me ao ver esta talvez tão pouco estudada relação entre o evangelho e as missões de caráter japonês (igreja metodista livre, holiness e anglicana, por exemplo).

Em relação a homenagem, o que mais me chamou a atenção foi a pregação do Pr. João Misuki . Sua mensagem foi muito boa, exortando os formandos a serem apóstolos, estudantes e santos.

Apóstolos no sentido de serem verdadeiros evangelistas. Estudantes, no sentido de estarem sempre com o coração piedoso conhecendo mais acerca das Sagradas Escrituras, de leituras piedosas, e da formação intelectual. Santos, no sentido de terem a vida consagrada, na esteira da melhor tradição metodista wesleyana.

Entretanto, o que me chamou a atenção foi a pessoa em si do referido pastor. Noventa anos. E durante quase uma hora, ele pregou vigorosamente.

Fiquei impressionado. Fico admirado pelo fato de, quando somos jovens, queremos imitar tantas bobagens, e admiramos tanta gente “nada a ver”. Quero mesmo é imitar o Pr. João Misuki, e, com a ajuda de Deus, servir ao evangelho por toda a minha vida.

Comentários

Mais visitadas do mês

Manaém, o colaço de Herodes

Aprendendo com os erros do Rei Amazias

Os discípulos ocultos de Jesus

Resenha da obra "Ego Transformado", de Tim Keller

E não endureçais os vossos corações (Hebreus 3.7-13)

Acolhei ao que é débil na fé - uma reflexão sobre romanos 14.1

Panorama do Novo Testamento: O Evangelho de João

Considerações acerca das bem-aventuranças

Panorama do Novo Testamento: Atos dos Apóstolos

As características do ministério de Cristo